Resenha: A Breve Segunda Vida de Bree Tanner - Stephenie Meyer


Título: A Breve Segunda Vida de Bree Tanner
Título Original: The Short Second Life of Bree Tanner
Autora: Stephenie Meyer
Assunto: Literatuta Estrangeira, Ficção científica, Jovem adulto, Aventura
Editora: Intrínseca
Edição: 1
Ano: 2010
Idioma: Português
Páginas: 192

Sinopse: Combinando romance, horror, ação e mistério, a trama de Stephenie Meyer mergulha na trajetória de devastação do bando de recém-criados enquanto eles se preparam para o confronto definitivo.

Bree Tanner mal se recorda da vida que tinha antes de descobrir seus sentidos extremamente aguçados, os reflexos sobre-humanos e a força física sem precedentes. A vida antes da insaciável sede de sangue... Antes de ser uma vampira.

O que ela sabe é que a rotina em um bando de recém-criados é de poucas certezas, e de ainda menos regras: fique alerta, não chame atenção para si mesmo e, acima de tudo, volte para casa antes do nascer do sol, ou será destruído. O que ela não sabe: seu tempo como imortal está se esgotando. Depressa!
*Não tem spoiler. 

Olá!

Quase todo mundo (se não todo mundo) conhece saga Crepúsculo. Veja pelos livros ou filmes. O livro de hoje - A Breve Segunda Vida de Bree Tanner - é uma parte da história que se passa em Eclipse, o terceiro livro/filme da saga. Depois de Edward Cullen matar James em Lua novaVictoria Caldwell decidi vingar a morte do seu amado criando um pequeno exército de vampiros recém-criados para atacar a família Cullen e matar Bella Swan. Mas agora a história não é contada por Bella Swan, e sim por uma recém-criada para mata-lá, Bree Tanner. O final do livro não é segredo para quem já teve acesso a história da saga ou leu a sinopse. E também logo no inicio do livro, na introdução a autora fala: 
Você já sabe: a história não acaba bem para ela. Mas, pelo menos, você vai conhecer toda a trama. E vai ver que nenhum ponto de vista jamais será completamente óbvio. 
Ou seja, o interessante desse spin-off não está em como a história termina e sim o desenrolar dela. Muitas pessoas costuma pular algumas parte do livro, como introdução e agradecimentos, e ir direto para história. Mas acho interessante conferir essas partes.  Stephenie Meyer diz que a inspiração desse livro nasceu quando ela editava Eclipse. Depois de Riley junto de Victoria tentar matar Bella, Bree Tanner foi a única recém-criada que Bella Swan teve contato. E a autora acho interessante contar a história por outra perspectiva, uma onde a Bella não teve contato e onde poderíamos tomar mais claros alguns trechos específicos dessa história. 
Não há dois escritores que abordem um tema da mesma maneira. Todos temos inspirações e motivações distintas, temos nossas razões para manter alguns personagens por perro, enquanto outros desaparecem num amontoado de arquivos abandonados. Pessoalmente, nunca entendi por que alguns dos meus personagens adquirem vida própria com tanta intensidade, mas sempre fico feliz quando isso acontece. Esses personagens são os que requerem menos esforço para serem escritos, e por isso suas histórias, normalmente, são as que vão adiante. Bree é uma dessas personagens, e é a razão principal para esta história estar agora em suas mãos, e não perdida no labirinto de pastas esquecidas em meu computador. (As outras duas razões se chamam Diego e Fred.) Comecei a pensar em Bree quando estava editando Eclipse. [...]

A história é narrada em primeira pessoa por Bree Tanner, conhecemos muito pouco de sua vida antes de ser transformada em uma vampira. Em sua vida humana estava preste a completar 16 anos, ou tinha acabado de completar, ela não se lembra muito bem. Tinha fugindo de casa por conta dos maltrato do pai, e sua mãe havia indo embora quando ela era muito nova. Passava fome na rua, e quando um cara gentil e charmoso -  Riley amante, ou melhor subordinado de Victoria - lhe ofereceu comida ela aceito. Depois disso foi levada a um lugar escuro, apesar de não poder contar com a visão ela ouvi uma voz mimada de uma mulher - Victoria tratada apenas por ela - que a transformou em vampira.

Apesar Bree ser diferente de Bella, desconfiada e prudente. Ter tido uma vida e uma transformação sofrida. Há coisa em comum (e clichê), como a garota ser quieta na dela e não querer chamar atenção, aquela pessoa que não gosta de ninguém e todos querem distancia se torna amigo dela, e conseguir um parceiro e pretendente.

Os vampiros recém-criado fora escolhido nas escuras, com o critério vamos dizer assim: "ninguém vai sentir falta". Por isso eles tem uma vida triste e complicada. Eles criam grupinhos entre ele, durante a história podemos conhecer melhor. Há aqueles que confia em Riley e não questionar nada, mas também gente como a Bree que acredita que as palavras de Riley são apenas mentiras. Há entre eles vampiro com habilidades especiais, como vemos na segunda parte de Amanhecer.
Eu não queria falar e chamar atenção, mas seria bom se alguém decidisse alguma coisa. Estava com muita sede, e não me importava muito se iríamos para a direita, para a esquerda ou por cima do telhado. Só queria encontrar uns azarados quaisquer, que então não teriam nem tempo de pensar lugar errado, hora errada.
É chato ver que apenas três vampiro pensava e os outros era facilmente manipulado. A narração do livro é boa porém não tem divisão de capítulos. O que é interessante é que nesse livro vemos vampiros que saim para caçar, que tem sede por sangue e que ver os humanos apenas como banquete. Não como o Cullen que se alimenta de animais e são romantizados. Também vemos melhor a bondade de Carlisle e Esme. É um livro rápido e leve. Que encaixa perfeitamente com Eclipse e  realmente mostra uma história escondida.

Mesmo sabe do final eu esperava algo mais... Acredito que é difícil o autor conseguir envolver o leitor, principalmente quando o já sabemos o final da história. Porém a escrita de Stephenie Meyer é leve, simples e faz o leitor torce para que o final de Bree seja diferente.
— Não me venha com essa conversa mole agora.

— O quê? Não quer ser... — ele estreitou os olhos e fez uma voz um pouco mais aguda — minha melhor amiga para sempre? — Ele mesmo riu da besteira que dizia.

Revirei os olhos, sem saber ao certo se ele debocha da expressão ou de mim.

— Ah, Bree. Seja minha melhor amiga para sempre. Por favor? Diego ainda brincava, mas seu sorriso era mais largo e... esperançoso. Ele estendeu a mão.

Dessa vez eu bati na mão dele com vontade, cumprimentando-o de verdade, sem perceber que ele tinha outra intenção até que senti os dedos segurando Os meus.

Era perturbador e esquisito tocar outra pessoa depois de uma vida inteira — porque os últimos três meses haviam sido toda a minha vida — evitando qualquer tipo de contato. Era como tocar um fio elétrico soltando faíscas e descobrir que não tinha problema nenhum nisso.

Tive a impressão de que meu sorriso saiu um pouco torto. 

46 comentários:

  1. Acho que a sua resenha ficou maior que o livro... hahahaha
    Li na época d grande bummmm do Crepúsculo e na época achei um pouco estranho um spin off de uma personagem tão irrelevante, mas como estava anestesiada pela saga, li mesmo assim.
    Também esperava mais.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ivi Campos!
      As vezes eu empolgo! Haha'
      Realmente pode ser irrelevante esse spin off.
      Beijos'

      Excluir
  2. Já ouvi falar muito desse livro, mas nunca tive a oportunidade e nem o interesse de conferir. Minha curiosidade sobre essa personagem gira apenas sobre sua importância na saga de um modo geral, mas não sei se há tanto a ser questionado sobre ela. Enfim, não é um título que eu leria.. por mais que seja uma história curta.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Realmente não tem muito o que explorar dessa personagem. Beijos'

      Excluir
  3. Olá amore,
    Confesso que a capa me atraiu, mas não sei se estou muito a fim de ler esse livro agora.
    Depois de Crepúsculo confesso que meio que me afasto de histórias de vampiros, embora algumas coisas até tenham me chamado a atenção em sua resenha!

    Beijoka!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Grazi Moraes! Compreendo seu ponto de vista. Beijos'

      Excluir
  4. Ah eu li este, assim que terminei a saga. Achei bem bacana me fez entender melhor os tecem criados e foi bom conhecer aquela tão solitária. Rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Márcia Lopes! Que bom que você gostou. Beijos'

      Excluir
  5. Já li a saga crepúsculo,mas nunca li ele,não tive curiosidade em ler,pq no final a saga não foi uma experiência muito bacana para mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nay! Que pena que a saga não foi uma experiência bacana para você. Beijos'

      Excluir
  6. Eu não li nada de Crepúsculo, só vi os filmes. Quando nos tornamos fãs de uma série, seja qual for, acho que queremos saber todos os detalhes, qualquer ramificação ou outro ângulo da história nos interessa. Por esse motivo acho muito válido esse livro já que a série tem muitos apaixonados.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Evandro! Realmente quando nos tornamos fã queremos saber todos os detalhes e pontos de vista. Beijos'

      Excluir
  7. Oie
    acho que cheguei a ler dois livros de crepusculo mas nunca tive vontade de ler esses a parte, parecem ser legais para os fãs de verdade e sua resenha ficou ótima

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Catharina! Que bom que gostou da resenha. Beijos'

      Excluir
  8. Oiee, já li esse livro e lembro que não acrescentou em quase nada a história, infelizmente não gostei muito.

    Bjs Jany

    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Janiele Silva! Ele não acrescentou muito, mas pelo menos acrescentou o ponto de vista e os motivos pelo qual os recém criados atacaram os Cullen. Beijos'

      Excluir
  9. Oi, tudo bem?
    Eu tenho e já li os quatro primeiros livros da série Crepúsculo, mas esse, até hoje não tive a chance de comprar. Quero muito ler esse livro justamente por conter a perspectiva de uma personagem diferente, de uma menina que sofreu quando era humana e que as coisas se tornam ainda piores quando passa pela transformação. Sua resenha me deixou com mais vontade ainda de ler, espero gostar, apesar do final terrível que Bree tem.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda! Estou bem obrigada, espero que você também esteja.
      Para os fãs da saga é bom ver os lado dos vampiros recém criados.Que bom que a resenha te despertou interesse. Beijos'

      Excluir
  10. ooi, como vai?
    Não sou muito fã de Crepúsculo, li o primeiro livro e parei no terceiro filme...
    Gostei de ter falado muito da obra, de como se encaixa no universo e de citar como a autora se inspirou para escrever o livro.
    A formatação é muito boa, com espaço para citações e ótimo uso de itálico e negrito para dar ênfase.
    Cuidado com a ortografia. E gostei de você ter colocado trechos em destaque no corpo da resenha.

    Beijinhos ღ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Débora Vicente! Estou bem obrigada, espero que você também.
      Que bom que gostou da resenha. Irei tomar cuidado, obrigada pela dica. Beijos'

      Excluir
  11. Oie! Tudo bem?

    Eu já realizei a leitura desse livro e para falar a verdade não lembro muito bem o que achei na época, mas lembro que eu não havia gostado dele por algum motivo, mas irei reler a série em breve e ver o que acho dessa vez!

    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nay Sartor! Estou bem obrigada, espero que você também.
      Entendo, alguns livros também não me lembro muito. Quando relemos um livro podemos mudar o ponto de vista. Beijos'

      Excluir
  12. Olha, esse é um livro que eu fiquei surpresa de ver uma resenha depois de tanto tempo e me fez relembrar que apesar de ter esse livro eu nunca parei para ler. Apesar de saber que se trata de um diferencial na série eu nunca fiquei interessada em saber sobre a Bree; ainda mais sabendo qual seria seu final... Então eu acho que apesar de que realmente deve envolver o leitor a ponto de torcer por um desfecho diferente, ainda sim não é o suficiente para me convencer. Mas foi legal ver você falando sobre ela!
    Um beijo
    http://www.brookebells.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Quando já sabe o final dela, pode mesmo não desperta o interesse de ler. Beijos'

      Excluir
  13. Olá!!
    Li todos os livros da serie e também vi os filmes várias e várias vzs,mas nunca me interessei muito pra ler esse em especifico,na minha opinião acho um livro bem desnecessário,mas confesso que a autora deveria ter dado uma chance a ela pois ela poderia crescer bastante com o decorrer dos livros.

    https://livroaoavesso.blogspot.com.br/2017/03/resenha-ao-seu-encontro-abbi-glines.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anne Viana!Realmente se a autora tivesse dado chance para ela no decorrer dos outros livros séria melhor. Beijos'

      Excluir
  14. Oieee
    Pra ser sincera, sou uma das poucas pessoas no mundo que detesta Crepúsculo :(
    Como grande fã de histórias de vampiros, tentei ler o primeiro livro e assisti a todos os filmes, mas não me desce... :(
    Não gosto do mundo criado pela autora, prefiro os vampiros da Anne Rice.
    De qualquer forma, acho legal quando os autores fazem spin offs de outros personagens, pois podemos ver a história de outros pontos de vista...
    Uma pena que não tenha atendido às suas expectativas...
    Um beijoo!

    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda Colares! Crepúsculo tem/teve um grande número de fãs, mas também muitas pessoas que detestaram. Ainda não li Anne Rice, mas quero ler. Beijos'

      Excluir
  15. Olá!
    Nossa a tempos que não vejo resenhas deste livro...
    Já tem anos que li. Acho que assim que lançou.
    Eu estava tão chateada por ter acabado a saga Twilight que queria ler tudo que tivesse ligação com a saga. Infelizmente esse foi bem curtinho, não deu nem tempo de pensar direito.
    Os vampiros que aparecem nesse são os "novos vampiros", né? Por isso deles verem humanos apenas como banquete...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Sim são os novos vampiros, os recém criados. Beijos'

      Excluir
  16. Olá!
    Li esse livro quando lançou,e amei a leitura e conhecer esse outro lado dos personagens, ainda mais porque é realmente assustador ver quantos foram manipulados. Eu gostei muito da narrativa, já que adoro a escrita da autora, então foi um livro muito divertido de ser lido.
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carolina Ramires! Que bom que para você foi bem divertido. Beijos'

      Excluir
  17. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que apesar de ter visto alguns dos filmes dessa saga, eu não sou muito fã da história, então não fico muito animada com dicas de livros sobre esse universo, sabe? Mas eu achei interessante esse livro, bacana ser do ponto de vista de outra personagem e imagino que seja interessante acompanhar a história dela. No entanto, não é um livro que eu leria.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Larissa! Estou bem obrigada, espero que você também esteja. 😊
      Compreendo, cada pessoa pode se interessar por um universo literário diferente.
      Beijos'

      Excluir
  18. Acho que essa leitura não é para mim, eu nunca li nenhum livro da saga crepusculo e se não me engano só assisti amanhecer parte 1 e não gostei nadinha, mas para quem é fâ deve ser super legal , a autora foi bem inteligente em escrever

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gabriela Cerqueira! Pena que não gostou. Que sabe na próxima resenha seja um livro que lhe chama atenção, basta ficar de olho no blog.
      Beijos'

      Excluir
  19. Ola!!
    Todo mundo fala desses livros e tudo mais, mas confesso que eu sou completamente apaixonada por Crespúscuko.
    Esse livro é um adendo interessante para história e confesso que gostei bastante. Curto, rápido e desprentensioso, foi isso que eu pensei ao ler o livro.

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Que legal que você é fã da série. Realmente ele é rápido e despretensioso.
      Beijos'

      Excluir
  20. Oi, realmente, é triste já sabermos o final, que foi triste, mas também gostei de conhecer esse livro, principalmente porque ele nos proporciona em primeira mão uma visão dos vampiros em ação, porque só víamos o edward falando sobre eles, e aqui temos a narração de toda essa cede e horror.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Tamara Padilha! Que bom que gostou. Realmente aqui temos um outro ponto de vista da história.
      Beijos'

      Excluir
  21. Sempre tive vontade de ler esse livro, acredita?

    Algo me incomodou bastante em sua resenha, desculpe... Mas vários erros de plural/singular >< isso atrapalha cadin a leitura, porque aí fico voltando para conferir ao que se tratava....

    Ainda quero ler esse livro um dia, mas não sei... Não estou mais na idade de paixonite por crepúsculo, hauhauhau. Já faz muito tempo e já nem gosto tanto mais dos livros...

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Obrigada pela dica, irei ficar mais atenta.

      Sei como é. As vezes não gosto tanto de uma série de livro como gostava antes.

      Beijos'

      Excluir
  22. Oie! Eu acho que até tenho esse livro aqui, mas nunca li. Para ser sincera, nunca li nenhum dos livros da série e mal assisti os filmes por inteiro, sempre foi uma bobagem muito grande pra mim, então não faço a mínima ideia de quem são algumas das pessoas que você comentou na resenha, heh. Mas meu preconceito sempre foi com as adaptações, então um dia ainda quero ler as obras originais e ver o que acho. Espero gostar da história! :3 Sua resenha ficou muito boa e eu achei legal a ideia da autora de criar essa obra mostrando outros pontos de vista.

    Beijos,
    Fernanda F. Goulart

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fernanda Goulart!
      Adaptações é algo que muitas vezes causa preconceito mesmo. Fico feliz que tenha gostado da resenha.Realmente é legal quando autores cria um outro ponto de vista de uma história.
      Beijos'

      Excluir
  23. Li esse livro há um milhão de anos atrás quando era uma grande fã de Crepúsculo. Lembro que foi um dos livros que eu mais gostei e, queria que a Bree Tanner tivesse um final melhor. Agora já passou esse meu animo por Crepúsculo, mas sempre vou lembrar desse livro e do final tão triste dessa vampirinha.

    ResponderExcluir