As expectativa de uma criança

fonte da imagem: Autor Desconhecido

Quando criança eu não pensava tanto no futuro, e sim no presente. Mas com o tempo os adulto começaram a me fazer pergunta do futuro. Como por exemplo “Qual a profissão que eu queria segui quando cresce?”. Eu nunca entendia porque eles estavam tão preocupado com o que eu queria ser no futuro. Tudo que eu pensava era: “ Ainda falta muito tempo para isto, quando chega a hora eu vejo”. Mas eu sempre dava em uma resposta como por exemplo: “Quero ser pediatra!” por causa que adorava brincar de boneca, ou simplesmente falava “Não sei ainda”. Nunca me preocupava com isto, até que uma nova pessoa me perguntava a mesma coisa.

Eu sempre via minhas amigas responderem: atriz, cantora, veterinária... Depois de munda algumas vezes de opinião, chego uma hora que minha resposta sempre foi pediatra.  Até que um adulto perguntou para mim: “- Você não tem medo de dá remédio errado para uma pessoa e ser processada?”. Eu nunca tinha parado para pensar nisto. E como pensaria em uma tragédia quando tudo que eu queria era ser feliz quando cresce? 

Será que o adulto que me fez esta pergunta deve suas  expectativas  destruída quando criança? Nunca entendi porque alguns adulto falam quem crianças são pirralhos e adolescentes são aborrecestes.  Parece que eles nunca passaram por estas fase?

Na infância tudo que queremos é sermos feliz, acreditar que tudo é possível. Ter a expectativa de amanhã, talvez que sabe, encontra com uma fada. Nesta fase não precisamos de ninguém nos dizes que o Papai Noel não existe. Como muitos adultos e até mesmo adolescentes dizem para as criança. O que será que alguém ganha ao acabar com a esperança de uma criança?

Ao invés de preocupada em fala para uma criança que ela está errada em acreditar em contos de fadas, se deve se preocupar em não deixar a esperança dela morrer. Com o tempo esqueceremos e nos procuraremos outras coisas. Ao invés de queremos vê o Papai Noel em noite de natal, iremos querer vê as promessas que as pessoas fazer serem compridas. Invés de querer ser um astronauta podemos querer ter uma banda de Rock. E que mal tem nisto?

Na infância e na adolescência e quando estamos formando o nosso estilo e personalidade. É nesta faze que estamos mais cheio de expectativa com as coisas da vida. É necessário termos mudança, nos arriscar, fazemos escolher, fazemos perguntas sem medo da resposta, e principalmente não termos medo de errar... Isso ira definir quem seremos quando cresce e como iremos tratar uma criança quando formos adulto. Então pense bem o que dizer quando uma criança falar com você. E quando ser torna adulto não deixa aqueles sonhos e expectativa de uma vida feliz na infância (e adolescência), leve com você e faça ela acontecer. 

2 comentários

  1. Acho que quando somos crianças o lance de ter expectativas é relacionado com a esperança. Apesar de tudo, a esperança que nos impulsiona a seguir em frente para seguir o caminho que desejamos traçar na vida. E, assim, suprir nossas expectativas.
    Gostei do texto!
    Abraços Mika,
    Pensamentos Viajantes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mikaele falo tudo, adorei!! Obrigada, beijos!

      Excluir

Tecnologia do Blogger.